GUARDAR E MOSTRAR A IMAGEM

Atualizado: Fev 5

“Mãe! Quero ir tirar fotografias!” - gritava o rapaz que hoje é um conhecido fotógrafo. Este é um início de história que é idêntico a muitos de nós. Os amantes da fotografia.

O gosto pela imagem é algo que nasce muitas vezes sem se saber porquê. Tal como tudo na vida a história não se resume a estas meras frases. Depois de ter nascido o gosto pela fotografia é preciso domá-lo e adequá-lo à nossa forma de ver o mundo que nos rodeia.

Os fotógrafos não são todos iguais embora todos tenham a particularidade de premir o botão para captar o momento. Há fotógrafos que nascem do simples gosto. Outros nascem pelo gosto mas que melhoram a sua forma de guardar as imagens.


Há os cursos e as associações, que tal como a ALFA - Associação Livre Fotógrafos do Algarve promovem a fotografia da melhor forma possível. Há os passeios fotográficos. Há poucos dias foi altura de viajar de barco pela Ria Formosa até ao célebre Farol na chamada ilha. Foi um dia bem passado em que se juntaram sócios e acompanhantes que apreciaram a beleza do local. Os mais corajosos viram tudo ao seu redor, pois subiram até ao alto do farol que lhes transmitiu magia. Fotografaram. Guardaram as memórias que o local lhes transmitiu. É isso a fotografia. Guardar os momentos que as vida nos dá. Há formas de transmitir o que as imagens falam. Há as exposições. As mostras. A mostra fotográfica Cor e

Criatividade vai agora dar a conhecer as suas fotos que ilustram as cores. Em primeiro lugar na Galeria ARCO, sede da ALFA. Enquanto isso uma nova mostra está prestes a começar a nascer. Novas histórias estão sempre a nascer para a nossa máquina fotográfica as guardar e mostrar. A imagem. Esteja atento a www.alfa.pt


ESPAÇO ALFA - Artigo de Raúl Coelho publicado no Caderno de Artes Cultura.Sul de novembro de 2014


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo