MARROCOS AQUI TÃO PERTO

Para os amantes de fotografia de viagem, o Reino de Marrocos é sem dúvida um país que tem muito para dar aos fotógrafos. O país vive de contrastes, o que o torna único na esfera global, em que o norte é um misto de cultura árabe e ocidental e o sul, abaixo das montanhas da Cordilheira do Atlas, oferece a magia do deserto com a sua cultura berbere.

Nas cidades, as suas medinas com centenas de ruas estreitas, em que apenas uma rua principal tem entrada e saída, fazendo a ligação de todas as outras ruas, é um palco de luz e cores, que em conjunto com os transeuntes proporciona imagens de rara beleza e exotismo. Além disso, sendo um país de fácil acesso, dotado de uma excelente rede de auto-estradas, é possível viajar no seu interior com facilidade e comodidade, sendo uma opção a incluir em projetos de férias.


Na senda de captar a magia de Marrocos, a ALFA está a organizar uma viagem fotográfica a realizar entre os dias 9 e 12 de junho, aberta a sócios e não sócios, existindo ainda poucas inscrições. Esta viagem, espera-se ser uma de muitas que se irão realizar a este extraordinário país. Nesta primeira viagem, o local estrela a visitar será a famosa “Cidade Azul”, na sua denominação oficial Chefchaouen, a principal cidade das montanhas do Rife, cuja arquitetura dos edifícios se assemelha à andaluza, mas a típica cor branca dá lugar ao

azul-turquesa, oferecendo aos fotógrafos um agradável desafio de composição.


Durante a estadia, os viajantes ALFA também poderão visitar a grande cidade de Tânger, a cidade costeira de Arzila, onde podem ser vistas fortificações construídas pelos portugueses, de 1471 a 1550 e entre 1577 a 1589, bem como a enorme e mágica medina de

Tetuão. Viajar é uma forma de aprendizagem e a ALFA quer proporcionar isso e muito mais aos seus viajantes. Venha daí, venha connosco!

ESPAÇO ALFA - Artigo de Marco Pedro publicado no Caderno de Artes Cultura.Sul de junho de 2016

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo